{ordemfarma/noticias/detalhes/head}
Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.

Compreendi

Notícias

Uma Ordem profissional para os farmacêuticos moçambicanos

05 Novembro 2018
Uma Ordem profissional para os farmacêuticos moçambicanos
A bastonária da Ordem dos Farmacêuticos (OF) de Portugal vai apoiar a transformação da Associação de Farmacêuticos de Moçambique (Afarmo) em Ordem profissional, à semelhança do que aconteceu em Angola e Cabo Verde. No decurso de uma visita oficial a Moçambique, por ocasião do 1.º Congresso dos Farmacêuticos de Moçambique, Ana Paula Martins oficializou a colaboração da instituição na elaboração dos estatutos da futura Ordem profissional, seus regulamentos e códigos internos.
O protocolo assinado entre a OF de Portugal e a Afarmo alarga as ações de cooperação entre farmacêuticos portugueses e moçambicanos, prevendo-se a capacitação e estruturação da associação que atualmente congrega os farmacêuticos de Moçambique.

Ana Paula Martins, bastonária da OF, e Lucien Pierre, presidente da Afarmo, rubricaram o acordo durante o I Encontro Luso-Moçambicano do Setor Farmacêutico, realizado no dia 1 de novembro, em Maputo, evento que antecedeu a realização do 1.º Congresso dos Farmacêuticos de Moçambique.

A colaboração envolve também a definição de linhas orientadoras para a criação de especialidades e a elaboração de documentos sobre política de saúde e política do medicamento.

Atualmente, segundo dados da Afarmo, existem cerca de 600 farmacêuticos moçambicanos e estrangeiros a exercer a profissão no país.