{ordemfarma/noticias/detalhes/head}
Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso.

Compreendi

Notícias

FIP distingue Programa Abem

23 Setembro 2019
FIP distingue Programa Abem
A Federação Internacional Farmacêutica (FIP) distinguiu o Programa Abem, da Associação Dignitude, com o prémio FIP 2019 Pharmacy Practive Improvement, reconhecendo o impacto social do projeto e o seu contributo para o desenvolvimento de competências farmacêuticas no plano científico e social. O projeto de promoção e educação para a saúde nas escolhas promovido pela Secção Regional dos Sul e Regiões Autónomas da Ordem dos Farmacêuticos esteve também entre os nomeados para o prémio FIP 2019 Health Promotion Award, cujo vencedor foi o Conselho Federal de Farmácia do Brasil, com a campanha “Farmacêuticos em Ação no Bem-Estar Global”.

A distinção foi entregue durante a cerimónia de abertura do 79.º Congresso Mundial de Farmácia e Ciências Farmacêuticas, que decorre entre os dias 22 e 26 de setembro, em Abu Dhabi, nos Emiratos Árabes Unidos.

A FIP destaca o facto do programa ser a primeira iniciativa lançada pela Associação Dignitude, uma instituição particular de solidariedade social que foi criada pela Associação Nacional das Farmácias e pela Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica, em parceira com a Cáritas Portuguesa e a Plataforma Saúde em Diálogo.

O Programa Abem tem vindo a identificar cidadãos com carências económicas que não conseguem comprar os medicamentos que precisam. Os beneficiários do cartão Abem podem apresentar suas prescrições em qualquer uma das 574 farmácias comunitárias participantes e receber os seus medicamentos gratuitamente.

Desde o seu início, em maio de 2016, o programa apoiou mais de 7.000 pessoas necessitadas, sendo também destacadas pela FIP as competências científicas e sociais desenvolvidas pelos farmacêuticos participantes no programa, bem como o envolvimento dos estudantes de Ciências Farmacêuticas, ajudando-os a entender a responsabilidade do farmacêutico para lidar com o acesso precário a medicamentos e outras desigualdades.

"Esse programa promoveu o papel dos farmacêuticos como um agente de saúde essencial e próximo na sociedade. Os farmacêuticos da Abem são o principal componente para uma sociedade mais inclusiva e resultados positivos para a saúde de todos. Fornecer às pessoas o acesso aos medicamentos de que precisam também contribui para reduzir os custos de tratamentos de emergência e internações hospitalares”, destacou Duarte Santos, da direção da ANF, citado pela FIP.

"É uma grande honra ter esse programa estimado, realizado por farmácias, reconhecido mundialmente. Este prémio apenas reforçará o propósito de Abem de garantir o acesso a medicamentos e saúde a todos os cidadãos portugueses e, quem sabe, será uma inspiração para os nossos colegas farmacêuticos internacionais”, acrescentou.

Entre os projetos distinguidos no decurso da cerimónia de abertura do Congresso Mundial da FIP esteve também a campanha desenvolvida pelo Conselho Federal de Farmácia do Brasil, intitulada "Farmacêuticos em Ação no Bem-Estar Global” para comunicar o valor dos farmacêuticos.

"A profissão farmacêutica no Brasil passou por grandes transformações nos últimos anos e o Projeto Global de Bem-Estar tem sido uma maneira de mostrar isso às pessoas", explicou o presidente do CFF, Walter Jorge João.